O baterista do Offspring diz que a banda o tirou da turnê por se recusar a receber a vacina contra COVID-19

The Offspring drummer says band dropped him from tour for refusing to get COVID-19 vaccine

O baterista do Offspring diz que a banda o retirou da turnê por se recusar a receber a vacina COVID-19

Pete Parada, baterista da banda pop-punk The Offspring, diz que a banda o abandonou por se recusar a ser vacinado contra o COVID-19. Ainda não está claro se a mudança de escalação será permanente.

Pete, que se juntou à banda em 2007, compartilhou a notícia no Instagram em 3 de agosto, observando que ele tem um histórico de síndrome de Guillain-Barré, um distúrbio no qual o sistema imunológico do corpo ataca os nervos.

No mês passado, o FDA disse que a vacina da Johnson & Johnson foi associada a “um pequeno aumento no risco” de desenvolver GBS; não há dados que sugiram uma ligação entre o GBS e as vacinas Pfizer-BioNTech ou Moderna, que usam uma tecnologia diferente, de acordo com o The New York Times.

“Como não posso cumprir com o que está se tornando cada vez mais um mandato da indústria – recentemente foi decidido que não sou seguro estar por perto, no estúdio e em turnê. Mencionei isso porque você não me verá nestes próximos programas “, escreveu Pete em uma longa postagem no Instagram. Ele disse que havia falado com seu médico, que o aconselhou a não tomar “tomar uma vacina por agora”, e revelou que já havia contraído o vírus e se sentia “confiante de que seria capaz de lidar com isso novamente”.

Ele disse que se preocupa com o que uma “rodada pós-vacinação” de GBS pode fazer à sua saúde. Ele acrescentou que “não tem sentimentos negativos em relação” aos Filhos e entende que eles estão fazendo o que devem para se manter seguros, mas disse que não apoiará “aqueles com mais poder … [isto é] governos, empresas e empregadores” para ditar procedimentos médicos “àqueles com menos poder.”